sexta-feira, 12 de outubro de 2018

O Maior Segredo já revelado ao mundo e que ainda permanece oculto aos olhos de muitos

Há quase dois mil anos, o maior de todos os segredos foi revelado ao mundo, e, mesmo dois mil anos depois, ainda tem escapado à compreensão de muitos.
Mas esse segredo tem um momento certo para cada um.
Ele pode chegar num momento em que damos um tempo para pensar, refletir sobre a vida, sobre tudo...
Nesse momento, às vezes, precisamos de um empurrãozinho, para descobrir a maior de todas as  verdades. 

Que tal experimentar esse empurrãozinho e abrir uma nova perspectiva de vida, através do conhecimento de verdades e esperanças ainda ocultos à maior parte dos seres humanos?
Se a resposta for sim, convido-o a descobrir, nas palavras de um dos nomes mais famosos e conhecidos da história humana de todos os tempos, o segredo revelado que poderá transformar a sua vida, afastar angústias, tristezas, solidão, desesperos, e abrir uma nova fase rica em soluções e esperanças.
Esse homem, de passagem pela cidade grega de Atenas, viu algo inusitado.
Diante de seus olhos, na praça daquela cidade, se desenrolava a cena da mentira que, até nossos dias, permanece impedindo que a maior de todas as verdades e o maior de todos os segredos, seja descoberto por nós, ainda que esteja diante de nós, ao alcance das mãos:

"...Passando eu e vendo os vossos santuários, achei também um altar em que estava escrito: Ao Deus Desconhecido. Esse, pois, que vós honrais não o conhecendo é o que eu vos anuncio. O Deus que fez o mundo e tudo que nele há, sendo Senhor do céu e da terra, não habita em templos feitos por mãos de homens.  Nem tampouco é servido por mãos de homens, como que necessitando de alguma coisa; pois ele mesmo é quem dá a todos a vida, a respiração e todas as coisas; e de um só fez toda a geração dos homens para habitar sobre toda a face da terra, determinando os tempos já dantes ordenados e os limites da sua habitação, para que buscassem ao Senhor, se, porventura, tateando, o pudessem achar, ainda que não está longe de cada um de nós; porque nele vivemos, e nos movemos, e existimos, como também alguns dos vossos poetas disseram: Pois somos também sua geração. Sendo nós, pois, geração de Deus, não havemos de cuidar que a divindade seja semelhante ao ouro, ou à prata, ou à pedra esculpida por artifício e imaginação dos homens. Mas Deus, não tendo em conta os tempos da ignorância, anuncia agora a todos os homens, em todo lugar, que se arrependam, porquanto tem determinado um dia em que com justiça há de julgar o mundo, por meio do varão que destinou; e disso deu certeza a todos, ressuscitando-o dos mortos"
***Palavras do apóstolo Paulo quando de sua visita à cidade grega de Atenas, descrita em Atos 17:23‭-‬31 https://bible.com/bible/212/act.17.23-31.ARC

Já descobriu de quem estamos falando? Ainda não?
Então veja essa dica de outro grande conhecido, o apóstolo João, sobre a identidade do maior segredo de Deus revelado aos homens:
"No princípio, era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. Todas as coisas foram feitas por ele, e sem ele nada do que foi feito se fez. Nele, estava a vida e a vida era a luz dos homens; e a luz resplandece nas trevas, e as trevas não a compreenderam.  Houve um homem enviado de Deus, cujo nome era João. Este veio para testemunho para que testificasse da luz, para que todos cressem por ele. Não era ele a luz, mas veio para que testificasse da luz. Ali estava a luz verdadeira, que alumia a todo homem que vem ao mundo, estava no mundo, e o mundo foi feito por ele e o mundo não o conheceu. Veio para o que era seu, e os seus não o receberam. Mas a todos quantos o receberam deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus: aos que creem no seu nome, os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do varão, mas de Deus. E o Verbo se fez carne e habitou entre nós, e vimos a sua glória, como a glória do Unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade". João 1:1‭, ‬3‭-‬14 ARC

Já descobriu qual é o maior segredo revelado ao mundo a quase dois mil anos? Não?
Ele se chama JESUS CRISTO.
Ele estava assentado no trono de Deus e era Deus...
Se fez carne e habitou entre nós.
Só ele é Deus. Nenhum outro pode ocupar seu lugar em nossos corações.
Entendeu agora?
Ele veio para salvar, nos dar vida, mas, também, para trazer o julgamento a todos os homens num futuro não muito distante, segundo Hb. 9:27: "Aos homens está ordenado morrer uma só vez e, depois disso, vem o juízo". Morrendo salvo por Cristo é descanso eterno, morrendo abraçado a religiões é ilusão, decepção e morte espiritual.
Escape ileso do juízo divino descrito em Apocalipse. Como?
O apóstolo Pedro te responde com a mesma resposta que deu aos judeus que rejeitaram Jesus e o condenaram à morte:
"Saiba, pois, com certeza, toda a casa de Israel que a esse Jesus, a quem vós crucificastes, Deus o fez Senhor e Cristo.  Ouvindo eles isto, compungiram-se em seu coração e perguntaram a Pedro e aos demais apóstolos: Que faremos, varões irmãos? E disse-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo para perdão dos pecados, e recebereis o dom do Espírito Santo. Porque a promessa vos diz respeito a vós, a vossos filhos e a todos os que estão longe: a tantos quantos Deus, nosso Senhor, chamar. E com muitas outras palavras isto testificava e os exortava, dizendo: Salvai-vos desta geração perversa. De sorte que foram batizados os que de bom grado receberam a sua palavra; e, naquele dia, agregaram-se quase três mil almas.  E perseveravam na doutrina dos apóstolos, e na comunhão, e no partir do pão, e nas orações. Em cada alma havia temor, e muitas maravilhas e sinais se faziam pelos apóstolos." - Atos 2:36‭-‬43 ARC

E você, sabedor de tudo isso, ousa, ainda, trocar JESUS CRISTO por outros deuses, ou por fama, dinheiro, sucesso profissional, ou por honras e glórias terrenas? 
Se essa é sua resposta, tire o resto desse dia para pensar melhor sobre o seu futuro diante de Deus, antes que seja tarde. Não pense que uma boa religião poderá salvá-lo da ira vindoura... Só Jesus salva. Igrejas apenas anunciam o Salvador. Pense nisso!

Pr. Wagner Cipriano - http://wagnercipriano.blogspot.com.br


quarta-feira, 16 de maio de 2018

Israel 70 anos: Jerusalém recobra seu antigo status de capital oficial

O Senhor rugirá de Sião...
Jerusalém recobra seu antigo status de capital oficial de Israel

O que virá agora? Qual será a próxima etapa dos planos de Deus para Israel segundo a Bíblia? 


Essa data é histórica: 14 de maio de 2018. Nela Israel completa 70 anos desde a saída da ordem da ONU para que retornassem ao seu território, quase dois mil anos depois de sua dispersão pelo general romano Tito, no ano 70 d.c.. 

Nesses 70 anos da volta ao seu antigo território, após terem sobrevivido à dispersão por quase 1900 anos, se estabeleceram e floresceram novamente, mas ainda faltava a Israel sua capital original, como estabelecida por Deus. Jamais Israel seria a mesma nação de dois mil anos atrás se Jerusalém não retornasse ao trono de "capital de Israel".

E, nessa mesma data, em que se celebram os 70 anos do Israel replantado por Deus em sua terra natal, vemos Jerusalém recuperar seu antigo status de capital oficial da nação israelita(que antes era Tel Aviv). Ao inaugurar sua nova embaixada, o EUA se torna o primeiro país a reconhecer, oficialmente, o direito bíblico e histórico de Jerusalém ao status de capital original e oficial do povo israelita. 

Nesse evento se pode ver, de forma clara, o mover da mão de Deus, que vela por sua palavra, para a cumprir. Israel não seria plenamente restaurada enquanto Jerusalém não se tornasse novamente sua capital. A bem da verdade, diga-se que a isso se opuseram, por setenta anos, tanto a ONU como todos os oponentes de Israel. Mas vemos agora se completar a vontade de Deus de restabelecer Jerusalém como capital de Israel. Terá reações? Sim, e previstas na Bíblia. Mas é um momento em que devemos gritar ao mundo: Acordem!!! Israel voltou e nunca mais deixará de ser nação. Nas palavras de Jeová: Voltarei para Sião e habitarei no meio de Jerusalém; e Jerusalém chamar-se-á a cidade de verdade, e o monte do Senhor dos Exércitos, monte de santidade(Zacarias 8:3). Depois de oferecer salvação ao mundo inteiro, Jesus está retornando para sua terra e fará Jerusalém conhecida e reconhecida entre todos os povos como o lugar de habitação do único e verdadeiro Deus, que gostem, quer não gostem.

Momento Histórico e de Cumprimento Profético 
Finda-se, assim, o ciclo da restauração divina de Israel como nação, como anunciado pelos profetas. É um momento histórico e de cumprimento profético: estamos presenciando a conclusão das profecias sobre o castigo e a Restauração de Israel como nação e Jerusalém como sua capital oficial e espiritual, lugar escolhido por Deus para culto e adoração a todos os povos: Ó Jerusalém! Sobre os teus muros pus guardas, que todo o dia e toda a noite se não calarão; ó vós que fazeis menção do Senhor , não haja silêncio em vós, nem estejais em silêncio, até que confirme e até que ponha a Jerusalém por louvor na terra. Isaías 62:6‭-‬7 ARC

A importância de Israel para Deus
Israel vive porque Cristo também vive. Afinal, para Cristo, Israel é a raiz da Sua Igreja, onde o Evangelho teve início e onde será finalizada a obra salvadora de Jesus. Jesus ordenou que o Evangelho percorresse o mundo e, no fim dos tempos, retornasse a Israel. E, tendo o Evangelho percorrido todas as nações, Jesus agora se volta novamente para Israel, tendo-o restabelecido como país, para abrir a eles a fonte de Davi, a fonte do Amado de Deus. Essa fonte é a fé em Jesus Cristo como seu verdadeiro e único Messias. Através de Jesus Israel será preservado dos ataques que ainda sofrerá. Mas quando Israel se converter a Cristo, também as demais nações entenderão que há somente um Deus, o Deus de Israel, e um só Messias, Jesus Cristo, rejeitado, crucificado, morto e ressuscitado, assunto aos céus e assentado sobre o trono. Jesus reina e Ele mesmo é o guarda de Israel, que o tem preservado por quase vinte séculos. Israel é a única nação do mundo cujos termos de seu território foram estabelecidos por Deus. E, por terem rejeitado Jesus como seu Messias, colheram o que pediram: que o sangue dele caia sobre nós e sobre nossos filhos(Mt 27:24-25). E os inimigos de Israel se alegraram muito quando Deus os castigou e dispersou por todas as nações. Mas esses mesmos inimigos devem se lembrar que o mesmo Deus, que lhes deu esse território, prometeu recolocá-los ali. E cumpriu: Israel está novamente na sua terra e isso é vontade de Deus!!! Israel     na
sua terra é cumprimento profético diante dos olhos de todos nós. Portanto, seus inimigos e adversários também devem saber que, ao se oporem ao direito de Israel existir e ocupar seu espaço é como querer enfrentar e combater contra a vontade do próprio Deus Criador. Deus castigou a nação de Israel, mas findo o tempo do castigo pelas transgressões, volta sua atenção a ela novamente, para a reconstruir e cumprir nela todas as promessas e profecias relativas ao fim dos tempos.

Essas mensagens de Deus, contidas na Bíblia Sagrada, servem de alerta não só a Israel, mas também aos que nutrem ódio pelo povo israelita, para que passem a amá-los, e façam paz com eles: Não temas, pois, tu, servo meu, Jacó, nem te espantes, ó Israel; porque eis que te livrarei mesmo de longe e a tua semente da terra do seu cativeiro; e Jacó voltará, e descansará, e sossegará, e não haverá quem o atemorize. Não temas, servo meu, Jacó, diz o Senhor, porque estou contigo; porque porei termo a todas as nações entre as quais te lancei; mas a ti não porei termo, mas castigar-te-ei com medida e não te deixarei de todo impune. - Jeremias 46:27‭-‬28 ARC

O Castigo pela rejeição do Messias e a vindoura Restauração de Israel, profetizado por Amós
Amós foi um dos 12 profetas menores do Antigo Testamento, levantado por Deus para profetizar sobre o juízo divino que seria derramado sobre Israel devido à infidelidade do povo. Mas sua profecia, anunciada cerca de 700 anos antes da vinda de Jesus Cristo, termina anunciando o tempo da restauração da nação, da qual, -promete Deus-, jamais serão arrancados. 
Diz a profecia ..."eis que darei ordem e sacudirei a casa de Israel entre todas as nações, assim como se sacode grão no crivo, sem que caia na terra um só grão. Todos os pecadores do meu povo morrerão à espada, os quais dizem: Não se avizinhará nem nos encontrará o mal. Naquele dia, tornarei a levantar a tenda de Davi, que caiu, e taparei as suas aberturas, e tornarei a levantar as suas ruínas, e a edificarei como nos dias da antiguidade; para que possuam o restante de Edom e todas as nações que são chamadas pelo meu nome, diz o SENHOR, que faz estas coisas. Eis que vêm dias, diz o SENHOR, em que o que lavra alcançará ao que sega, e o que pisa as uvas, ao que lança a semente; e os montes destilarão mosto, e todos os outeiros se derreterão. E removerei o cativeiro do meu povo Israel, e reedificarão as cidades assoladas, e nelas habitarão, e plantarão vinhas, e beberão o seu vinho, e farão pomares, e lhes comerão o fruto. E os plantarei na sua terra, e não serão mais arrancados da sua terra que lhes dei, diz o SENHOR, teu Deus. - Amós 9:8-15
Em suma, Deus puniu e castigou Israel, como o pai que corrige o filho a quem ama. Mas Ele também garantiu que poderá por termo a todas as nações que os maltrataram, mas a eles castigará com medida e não ficarão impunes pelos seus pecados, e os estabelecerá como seu povo e Jerusalém como seu trono na terra.

Segunda etapa: A Restauração Espiritual de Israel
Agora que termina a fase da restauração física, terá início a restauração espiritual de Israel, para que reconheçam Jesus Cristo como o verdadeiro Messias. Com o Arrebatamento da Igreja dos gentios, Jesus se voltará inteiramente para Israel, abrindo-lhes uma fonte para a casa de Davi e para os habitantes de Jerusalém, contra o pecado e contra a impureza, em cumprimento à profecia de Zacarias 13:1.
Mas, nesse ínterim, a nação será agitada, enganada, e induzida a continuar rejeitando Jesus, e a receber o anticristo como seu messias, em meio a confrontos militares e oposição de muitas nações que optaram pelo antissemitismo. Mas será nesse tempo que 144 mil israelitas se converterão a Cristo e alcançarão a salvação. Todas as nações deverão ver e entender tudo isso, pois, do saber interpretar os acontecimentos mundiais à luz da Bíblia Sagrada, dependerá a vida ou a morte espiritual de cada ser humano, já que estarão vivendo a última oportunidade de renunciar ao pecado(ou não) ao escolherem seu próprio messias: o verdadeiro, Jesus Cristo, ou o falso, o anticristo. Para quem crê nas Escrituras Sagradas, a escolha do verdadeiro Messias sempre será Jesus Cristo. Já os que escolherem o homem do engano, que se apresentará como salvador e deus, serão marcados com o 666, a marca da besta. A aceitação dessa marca produzirá sua imediata condenação e quem a recebe estará irremediavelmente condenado ao lago de fogo, onde perecerá o juízo sentenciado em Apocalipse, destinado a todos os rebeldes à Palavra de Deus, na companhia de satanás e seus demônios, os anjos caídos.

Arrebatamento da Noiva e início dos 7 anos da Tribulação 
Em breve a Igreja de Jesus Cristo, formada pelos crentes a Ele convertidos, chamados A Noiva Prudente(Mateus 25:1-13), será arrebatada aos céus e terá início a Tribulação. 

Mundo mergulha em trevas e caos após o Arrebatamento
Com a ausência da Igreja, subitamente desaparecida da face da terra, o mundo ficará em trevas, sem compreender o caos que se instalará. As teorias se multiplicarão e o caos ainda mais se agravará pela falta dos crentes que lhes poderiam ser por luz na escuridão espiritual que descerá sobre toda a terra. Muitos lamentarão, nesse tempo, o desprezo dado aos ensinamentos bíblicos que esparramamos pelo mundo através de jornais, revistas, pregações em rádios, canais de TV, internet, filmes cristãos, folhetos, nas feiras, nas praças e de porta em porta pelas ruas de nossas cidades.

Elias e Enoque: Os Profetas que serão Luz na Tribulação 
Para esse tempo de trevas e caos, Deus enviará 2 homens, dois profetas, que por Ele foram ordenados para serem a Luz de Deus no tempo da Tribulação. Esses dois profetas, que não provaram a morte, mas foram preservados por Deus para exercerem seu Ministério nesses últimos dias, pregarão a partir da praça de Jerusalém e serão intocáveis por três anos e meio. Eles são as 2 testemunhas de Deus, descritas em Apocalipse 11. São profetas conhecidos, do Antigo Testamento, que foram arrebatados aos céus por sua retidão e lá preservados para retornarem nesse tempo. São eles: Elias e Enoque.  Juntos anunciarão Jesus Cristo como o único e verdadeiro Messias; também alertarão o mundo sobre o perigo de aceitarem as mentiras e enganos do anticristo e seus apoiadores, a besta e o falso profeta. O ministério deles será anunciar às nações as profecias bíblicas relativas a esse tempo de castigo, chamado Tribulação, e ninguém os poderá tocar ou fazer-lhes mal durante três anos e meio.

A Tribulação: última chance de salvação 
A Tribulação terá início no segundo seguinte ao Arrebatamento dos crentes escolhidos e durará 7 anos, ao fim dos quais Jesus Cristo retorna à terra com Sua Igreja: prenderá o diabo e estabelecerá seu reino milenar de paz, conforme prometeu. 

Descendo do muro da indecisão e fazendo sua escolha
É inegável o objetivo divino dos sete anos de Tribulação: oferecer a última chance de arrependimento a um mundo algemado pelo pecado, escravos de satanás. Será momento de reflexão e tomada de decisão. Todos deverão se posicionar e decidir a quem desejam servir, a Jesus Cristo, o Messias rejeitado, crucificado e ressuscitado, ou a satanás, o rei das trevas, pai da mentira e de toda rebeldia contra o Criador dos céus e da terra.

A Salvação na Tribulação para todos os que crerem 
No período da Tribulação ainda haverá salvação, pela fé em Jesus e pela rejeição ao anticristo e sua marca "666", chamada a marca da besta. - Apocalipse 13:18. 
Mas, mesmo para todos quantos crerem em Jesus e rejeitarem a marca da besta, ainda haverá consequências. Esses crentes, convertidos durante a Tribulação, sofrerão perseguições e serão alvo do ódio satânico do anticristo. Mas devemos sempre lembrar que essa rejeição à marca da besta e a declaração de fé em Jesus Cristo será a única forma de escapar da condenação eterna no lago de fogo. Mas ao fim dos sete anos, esses crentes, perseguidos e mortos durante a Tribulação, serão ressuscitados, reconhecidos, consolados, confortados e recompensados por Cristo, em sua volta para estabelecer no seu Reino Milenar, e reinará sobre o mundo inteiro a partir de Jerusalém. 

Por tudo isso, nós não nos calamos. Nós, crentes em Jesus Cristo, devemos falar abertamente sobre Jerusalém e Israel, em cumprimento da ordem profética: ...Vós, os que fazeis menção do nome do SENHOR, não haja silêncio em vós, nem estejais em silêncio, até que confirme e até que ponha a Jerusalém por louvor em toda a terra. - Isaías 62:7

Querem outra visão profética da Bíblia? No Reino Milenar de Jesus Cristo, Jerusalém será estabelecida como capital espiritual do mundo, não haverá mais diversidade de deuses ou de falsas religiões e Israel será a "cabeça das nações" que sobreviverem à Tribulação!!!

Que tal essa outra profecia, agora de Zacarias, que exalta a importância e a posição de destaque de Jerusalém, de Israel, e de seu povo, no período do Reino Milenar de Cristo:  ...e virão muitos povos e poderosas nações buscar, em Jerusalém, o Senhor dos Exércitos e suplicar a bênção do Senhor . Assim diz o Senhor dos Exércitos: Naquele dia, sucederá que pegarão dez homens, de todas as línguas das nações, pegarão, sim, na orla da veste de um judeu, dizendo: Iremos convosco, porque temos ouvido que Deus está convosco. Zacarias 8:22‭-‬23 ARC

Vamos amar e buscar a paz para Jerusalém? Essa é a vontade de Deus. Se tua religião mostra o contrário, leia a Bíblia depressa, conheça a verdade e ela te libertará pelo entendimento das maravilhas que Deus prometeu e que se tem cumprindo através de toda a história, bem diante de nossos olhos, como hoje se vê.

Se te parece absurdo, estude a Bíblia Sagrada, conheça a história de Israel e entenda o plano geral de salvação de Deus contido no Evangelho de Cristo, a Nova Aliança de Deus para com os homens.
Toda a glória seja ao nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. - Pr. Wagner Cipriano

Siga-nos no Twitter Visite: Mensagens Bíblicas do Livro de Apocalipse, Notíciário Gospel, Bíblias Eletrônicas Free, Estudos Bíblicos

NOTA: Para ler ou baixar essa mensagem em PDF, clique aqui

SAIBA MAIS LENDO:

28 abr. 2011 ... A Terra PrometidaO direito bíblico de Israel está evidente no livro mais antigo, lido e respeitado do mundo: a BíbliaSagrada. Nela lê-se: ...
culturaevangelica.blogspot.com

28 maio 2012 ... Voltará a ser cabeça das nações e lançará por terra todos os poderes mundiais que ... A questão bíblica da Paz paraIsrael e Oriente Médio ... Marcadores: Cronologia BíblicaDireito BíblicoDireito de Israel, Extinção da ... Religiões, Fim dos Dias, Fim dos Tempos, Futuro de IsraelIsraelTerra Prometida ...
mensagembiblicadiaria.blogspot.com


29 abr. 2011 ... Frases de conteúdo bíblico, edificantes e doutrinárias. A citação de ... Marcadores: Direito BíblicoDireito de IsraelTerra Prometida · Postagem ...
expressaoevangelica.blogspot.com


6 mar. 2012 ... Versículos bíblicos e meditação para edificação espiritual, "porque a palavra de Deus é viva e ... O Direito Bíblico de Israel à Terra Prometida ...
mensagembiblicadiaria.blogspot.com


28 maio 2012 ... que o mundo todo conhecerá o direito bíblico de Israel à posse da "terra prometida", devidamente registrado naBíblia Sagrada, ao qual Deus ...
versefortoday.blogspot.com

segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

DESPERTAMENTO ESPIRITUAL NO FIM DOS TEMPOS

DESPERTAMENTO ESPIRITUAL NO FIM DOS TEMPOS

VOCÊ SABE O QUE DIZ A PALAVRA DE DEUS SOBRE O FIM DOS TEMPOS?

Que tal conhecer um pouco das profecias e revelações bíblicas a respeito do que as Escrituras Sagradas chamam de final dos tempos e últimos dias?

1. A Violência humana sem Precedentes

Direitos Autorais

Licença Creative Commons
Cultura Evangélica, Revista Eletrônica de Wagner Cipriano da Silva é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Unported.
Based on a work at culturaevangelica.blogspot.com.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://wagnercipriano.blogspot.com/.